Os Demonios de Dorothy Mills (Dorothy Mills)

Titulo Original: Dorothy Mills
Direção: Agnes Marlet
Roteiro: Agnes Marlet, Juliette Sales
Genero: Drama/Suspense
Origem: França/Irlanda
Duração: 102 Minutos
Tipo: Longa-Metragem
Ano: 2010

Elenco: Carice Van Houten, Jenn Murray, David Wilmot, Ger Ryan, David Ganly.

Sinopse: Quando uma sombria e religiosa comunidade é sacudida pela morte de uma criança, uma psiquiatra é chamada para examinar Dorothy Mills, a adolescente acusada do crime. Apesar da resistência dos moradores, a terapeuta logo suspeita que Dorothy sofre de distúrbio de múltipla personalidade. Mas quando a garota fala com a voz do filho recém-falecido da médica, o que inicialmente parecia loucura pode ser o que os moradores acreditam..que Dorothy seja um canal com os mortos.

Critica do ID

Olha Galera um Drama sensacional, um filme que sem grande utilização de efeitos especiais consegue te comover e te segurar na poltrona a espera da próxima cena.



Quando cheguei la pra alugar o filme na locadora ele tinha acabado de chegar era lançamento, ai eu olhei e me interessei pela capa e pelo nome que chamava muita atenção, mas na minha cabeça eu imagina que ia ver mais um filme de Possessão demoníaca, e exorcismos ki nada o filme foge disso colocando os demônios da garota como vitimas.

O filme ja começa com um lance legal onde a garota é acusada de molestar um bebe, mas com os avanços nos estudos do caso pela psiquiatra Jane ela acaba descobrindo que a um mistério maior ainda em cima do vilarejo.
Psiquiatra Jane
O Filme em nenhum momento foi apelativo, um roteiro totalmente estratégico, onde primeiramente nos mostra o que é previsível, mais depois nos surpreende com cenas interessantíssimas.

O Filme me lembrou muito dois clássicos do cinema " O Sexto Sentido" e " Os Outros" que no final do filme algo que ninguém esperava acontece. A Autora transforma o filme em um verdadeiro teste de inteligencia, ao invés de insultos e cenas apelativas.



Outro ponto importante no filme são as ótimas atuações de Jenn Murray, que encara com facilidade diversas personalidades, e de Carice Van Houten que teve uma atuação surpreendente no papel da psicologa Jane.

Atuação perfeita de Jenn Murray
O que não concordo com o filme foi a mensagem da capa, o filme não traz Medo nenhum a quem assiste, a unica cena que pode trazer algum arrepio para os fracos é a cena em que a psiquiatra vê o espirito de seu filho no quarto, mas eu garanto o filme vai ser marcante para vc vai la na locadora e alugue vale muito a pena.



Trailer

Compartilhar no Google Plus

Autor Jorge Eduardo

Esta é uma breve descrição no bloco de autor sobre o autor. Editá-lo no html
    Blogger Comentarios

1 5:

  1. Concordo em gênero, numero e grau com td q vc disse!
    E vc naum achou q o film lembra um pouco "O Homem de Palha" de 1973, tbm?

    ResponderExcluir

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial